terça-feira, 20 de julho de 2010

culinária de platão

não misturo teu pecado
ao meu tempero
nem meu corpo à tua massa.
tua imagem salpicada no meu peito
faz fumaça.





Ana Claudia Abrantes

3 comentários:

Lara Amaral disse...

Uau, seus poemas são demais, chocam de um jeito lírico, gostei muito daqui!

Beijos.

Anônimo disse...

Muito legal o seu blog. Curti muito. A partir de agora serei sua seguidora, e te faço este mesmo convite, para que possamos manter a liga poesia.
:D
Pazzzzzzzzzzzzz

GRUPO NARRADORES DE CORDEL disse...

Ana, gostei muito do cordel. Abraços "CORDELADOS"